Ep. 16 - Danton: o processo da Revolução

Ep. 16 - Danton: o processo da Revolução

About this show

[Continuação do Resumo]
Por que guilhotinar Danton, “o melhor que a Revolução Francesa produziu”?
Por que Maxime Robespierre é contrário, a princípio, a esta ideia de guilhotinar Danton? Por que ele teme que a execução de Danton precipitasse a burguesia na contra-revolução?
Como você analisa o “empastelamento de jornais” como o ordenado por Robespierre em relação ao velho jornal Cordellier e a liberdade de imprensa?
O que constituiu a Convenção no processo da Revolução Francesa?
O que foi o Período do Terror?
Por que, no filme, Robespierre afirma que o bem do país nos obriga a ser abjetos e não nos permite sermos justos?
Danton se achava um ser excepcional, superior à massa?
Robespierre e Danton separados afundariam com a Revolução Francesa?
Robespierre, em seu diálogo com Danton, afirma a certa altura que eles fizeram a Revolução para dar virtude e igualdade ao povo. Isso é verdade, é possível?
Robespierre continua, neste mesmo diálogo, (...) “Eu defendo o povo dos homens que querem se enriquecer com a Revolução”. Segundo Danton isto só existe em romance! Procede? Quem tinha razão?
Segundo Robespierre, cessar o processo revolucionário naquele momento seria matar a Revolução? Quem estava correto a respeito desta estratégia? Robespierre ou Danton?
A tática de Danton, no Parlamento, de atacar o chefe da polícia política secreta de Robespierre, Héron, e exigir sua prisão foi uma jogada política de mestre? Porque ele articulou esta ação?
Robespierre tinha razão quando afirmou no filme “(...) O que é a humilhação frente ao bem do país”?
Qual o significado do ato de Danton em encher até o limite de quase transbordar da taça de vinho de Robespierre a romper com a etiqueta francesa que diz que o copo de vinho deve ser preenchido até pela sua metade? Testar o equilíbrio, a tranquilidade do oponente?
É verdadeiro que as pessoas não querem a Revolução, mas querem comer e dormir em paz, como disse Danton à Robespierre? Se isso é verdadeiro, então como o povo tomou a Bastilha, derrubou e decaptou o Rei? Isso não é um discurso da burguesia que a partir dali queria a todo custo o poder só para si e alijar o povo do governo?
Segundo Danton, onde não há pão, não há lei, nem liberdade, nem justiça ou a república, então somos forçados à conclusão de que a fome poderá causar a instabilidade política? A fome gera anarquia, rebelião ou revolução?
Quando Danton diz a Robespierre que ele imagina ter o poder, aquilo é o poder de direito, mas na verdade quem tem o poder de fato é ele Danton, pois, o poder está nas ruas. O poder está localizado em algum lugar específico? Discuta isso tendo como referência o regime político democrático.
O que é dar felicidades às ruas? Alguém ou algum político conhece ou sabe, de fato, de forma verdadeira, o que ou quem é o povo? Para saber o que é o povo precisa saber pegar numa espada ou, atualizando para nossos dias, pegar numa arma, saber fazer amor e ser um homem como disse Danton à Robespierre?
Ainda sobre o que Danton disse à Robespierre, “(...) prefiro ser guilhotinado a guilhotinar (...)”, é assim que devemos nos postar frente a um processo revolucionário seja ele qual for? Aqui não se coloca um problema ético central, qual seja, a defesa intransigente da nossa vida acima de qualquer coisa?
É verdade, como disse o personagem Camile, proprietário do velho Cordellier, jornal que foi empastelado por seu antigo amigo Robespierre, ao próprio, quando este o visita em sua casa para adverti-lo que seu “pescoço” estava em risco, que quando se luta pela liberdade a morte não parece terrível? O que é a liberdade? Que liberdade é esta em que se paga um preço tão exorbitante, sua própria vida? Existe liberdade sem a felicidade e/ou vice e versa?
O que é Revolução e Contra-Revolução?

more

Language

English

Top CategoriesView all